Available courses

Pretende-se, com este curso, contribuir para que o professor conheça e use meios tecnológicos de apoio à utilização de métodos experimentais no ensino das ciências nomeadamente na Física e Química. O ponto de partida é a exploração de um laboratório remoto online, e-lab, que disponibiliza experiências controladas remotamente pelos utilizadores e dirigidas às áreas disciplinares de Física e Química, e de vários laboratórios virtuais. Propõe-se que esta formação possibilite que os formandos conheçam, explorem e utilizem laboratórios remotos e virtuais, para além de analisarem, refletirem e prepararem materiais a serem aplicados aquando da realização de trabalho laboratorial com os seus alunos. 

Ação de formação do Centro de Formação Professor João Soares,

Orienta-te! 

Este curso pretende potenciar e orientar as escolhas disponíveis para os alunos consigam optar pelas melhores opções académicas, profissionais e pessoais.

Público-alvo: alunos de 9.º ano, 11.º e 12.º ano de escolaridade

A importância da área financeira; Escolha e gestão da Empresa que presta serviços de contabilidade; Controlo de Gestão: o que significa, como se materializa; Consultoria de proximidade; Como a tecnologia pode ajudar?

Processos de recrutamento. Seleção e admissão. Processamento de vencimentos. Segurança Social.  Relatório único. Legislação fiscal e laboral. Reconhecimento e mensuração contabilística dos gastos com pessoal. Avaliação de desempenho e sistemas retributivos. Definição de KIP’s (Key Performance Indicators). Gestão administrativa de RH. Gestão da formação: planear, orçamentar, implementar e avaliar a formação. Análise e descrição de funções. CS: Ok, mas o foco principal do curso deverá definir e implementar processos em que o foco sejam as Pessoas e não o cumprimento do processo em si, como desmistificar a ideia negativa do departamento de Recursos Humanos!



Estrutura e comunicação organizacional. Aplicações informáticas de gestão de pessoal. Recursos humanos: processos de recrutamento; seleção e admissão; processamento de vencimentos; relatório único; legislação fiscal; legislação laboral.

Gestão de equipas com foco nos resultados e não nas tarefas.

Como criar parcerias e que parceiros escolher para os projetos? Como os fidelizar aos processos e projetos? Negociação.

O que é um líder? Quais as principais competências?

Quais as competências associadas à liderança em organizações sociais?

O que são estas organizações? O que as distingue das empresas ou de outras entidades? Que formas jurídicas existem e obrigações específicas?

Empreendedorismo - de que se trata? Geração de ideias para a empregabilidade. Perfil e potencial do empreendedor. Ideias e oportunidades de negócio. Estudo do mercado. Plano de negócio. Constituir uma empresa ou instituição sem fins lucrativos. Incentivos e apoios às PME’s.



O curso pretende contribuir  para o desenvolvimento de ações empreendedoras ao nível das escolas, nos níveis dos ensinos básico e secundário, com caráter educativo e formativo estrutural. O desenvolvimento do empreendedorismo em meio escolar pressupõe um desígnio de ação global das escolas no sentido de fomentar a educação para o empreendedorismo.

Como podemos construir empatia para e entre os alunos para que sirvam as suas diversas necessidades e melhor se entenderem uns aos outros?

Este curso pretende ser uma colaboração para despertar empatia e compreensão nas salas de aula e comunidades. Pretende-se contribuir para a construção de espaços inclusivos dentro de comunidades diversas.

Adultos , crianças e jovens têm de possuir conhecimentos e ferramentas que lhes permitam estar no mundo virtual de uma forma segura e responsável. É fundamental dotar os pais e professores de mais conhecimentos sobre segurança online, de forma a mudar os comportamentos online dos menores.

Design thinking é uma abordagem que procura a solução de problemas de forma coletiva e colaborativa, em uma perspetiva de empatia máxima com seus stakeholders (interessados).

Conhecer o conceito de Flipped Classroom (Sala de aula invertida) e analisar a sua potencialidade na aprendizagem, onde o aluno possui um papel ativo.

Curso que pretende abordar ferramentas tecnológicas que potenciem a inclusão dos seniores na sociedade.

Curso que pretende abordar ferramentas tecnológicas inovadoras que potenciem o desenvolvimento académico dos adolescentes.

Formações de curta duração (possibilidade e-learning e b-learning) em que as pessoas poderão desenvolver competências específicas para o mercado de trabalho: como preparar-se melhor para uma entrevista, como melhorar o CV, sistematização das mais-valias pessoais em termos profissionais.

Exploração de ferramentas web 2.0 para educadores (exemplo: http://www.erte.dgidc.min-edu.pt/publico/web20/manual_web20-professores.pdf) e que pretenda dotar os educadores de competências tecnológicas efetivas facilitadores do trabalho em sala de aula.

Curso que permite potenciar a utilização de ferramentas que integram o Google (Gmail, Google Drive, ...) para gestão colaborativa.

Curso que permite melhorar a gestão de pequenas empresas (start-ups) bem como organizações sociais. Ferramentas de gestão de equipas, gestão financeira e administrativa, gestão de projetos.



Curso que pretende dar a conhecer a potencialidade e aplicabilidade do Office365 para utilizadores que desconhecem esta ferramenta (nível de iniciação) ou para utilizadores que já utilizam o Office365 mas que pretende aprofundar os seus conhecimentos em Office 365 (nível intermédio).



Serão abordados vários recursos e ferramentas TIC como ferramentas pedagógicas inovadoras tais como: plataforma Moodle e outros LMS (Learning Management System); Google Drive e OneDrive e a sua potencialidade na educação; Ferramentas de elaboração de planos de aulas; Ferramentas Google e Microsoft com potencial pedagógico. PowerPoint e alternativas; Realização e edição de vídeos; Cursos online e MOOCs (Massive Open Online Courses) - como aproveitar os mesmos para a formação pessoal; Direitos de autor - licenças Creative Commons. Público-alvo: professores.



Curso que pretende dar a conhecer a potencialidade da informática na ótica do utilizador sem (ou quase sem) conhecimentos informáticos. Introdução ao Office (Word, Excel, PowerPoint), às redes sociais, motores de busca e ferramentas de simples utilização.